sábado, 6 de junho de 2009

Um sonho acima dos 3.000 metros.

Topo do monte Norikura, 3.026metros, Carlos Sato a esquerda e eu

Durante essa minha vida de montanhista, conheci muitas pessoas da qual fiz amizades e compartilhamos a mesma trilha juntos em diversos lugares do arquipélago japonês.

Dentre essas amizades, destaco um amigo chamado Carlos Sato que hoje, respeito pelo esforço, dedicação e amor as montanhas.

Acompanhei desde o início de seu interesse pelas montanhas até hoje de seu sonho de fazer todos os 3.000 metros que existe nesse país, do qual era meu sonho também, mas terei que deixar para uma próxima, devido a crise que nos afetou e me faz voltar a terra brasilis.

Bom, vamos falar desse sonho.

Belo dia, Carlos me chega com uma revista que listava todas as montanhas acima de 3.000 metros que existe aqui e me convidou para essa façanha.

Pesquisei e soube que não havia nenhum brasileiro ou mesmo, estrangeiro que tivesse completado todas e isso me fez mais uma vez sonhar.

Subimos algumas e sempre contando as que restavam, como numa contagem regressiva e de lá avistávamos as outras que pareciam tão próximas e isso fazia com que sonhássemos cada vez mais.

Como éramos de setores diferentes na mesma empresa, nossas folgas não coincidiam, mas assim que aparecia alguma chance, estavamos lá, nem sempre numa de 3.000 metros, mas sempre treinando para a próxima.

Não vai ser dessa vez amigo, mas sei que você vai conseguir e estou torcendo para isso, apesar das dificuldades que assola esse país.

Te respeito e admiro pela sua dedicação e amor as montanhas.

Te dedico este texto a você, grande amigo.

Força e um forte abraço.Sei que conseguirá.

Texto:Kaoru Noda.

Foto:Carlos Sato.

Um comentário:

Grace Yamaholic disse...

Sim teve estrangeiro que escalou as mais altas montanhas